Processo Judicial Tributário, 10ª edição: a caminho!

Depois de um “longo inverno”, apresento a nova versão do Processo Judicial Tributário, uma vez mais me desculpando com aqueles que há muito a aguardavam. Fui negligente – reconheço – na tarefa de atualizar o conteúdo do livro e, com o imenso tempo decorrido desde a última edição (mais de 3 anos!), a missão acabou se revelando espinhosa demais para ser cumprida com celeridade. A bem da verdade, os apelos que recebi para não desistir da obra foram fundamentais para o “renascimento” dela. Se você me procurou, em algum momento desse hiato, “reclamando” da demora, sinta-se um co-autor e receba o meu sincero agradecimento: sem o seu estímulo, o livro não estaria de volta.

Diferentemente das vezes passadas, não tenho como indicar os assuntos que foram alvo de alteração para essa 10ª edição, pois TODA a obra foi revista e atualizada à luz do Novo Código de Processo Civil.

Imagino que alguns erros – especialmente de atualização – tenham ocorrido no curso da revisão. Se puder me ajudar, indicando-os, estou no twitter @mauroluis e no e-mail mauluis@gmail.com.

Se quiser assistir às minhas aulas sobre Direito Tributário, Processo Tributário e Mandado de Segurança, na modalidade on-line (EAD), assine o Descomplica Concursos (descomplica.com.br/concursos/). Há diversos outros cursos jurídicos por lá, todos ministrados por professores de reconhecida qualidade e com muito conteúdo útil para atualização profissional e preparação para concursos.

Para acompanhar as novidades sobre as matérias que leciono, visite o meu direitotributario.blog.

Por fim, agradeço por continuar confiando nos meus modestos escritos. É um grande estímulo para continuar.

Sucesso!

Novembro de 2018

O Autor

* acabei de escrever o texto acima, como “Nota à 10ª Edição” do meu livro Processo Judicial Tributário – Execução Fiscal e Ações Tributárias, cujos originais, revistos e atualizados, enviei agora há pouco à Editora Impetus.  

O Renascimento do Meu Livro de Direito Tributário e Uma Nova Ideia

No outono de 2009 a Editora Impetus publicou a primeira edição do meu livro “Direito Tributário” (então chamado de “Direito Tributário Brasileiro”). Como eu escrevi na apresentação, a obra nasceu, como tantas outras, “de anotações e  remissões feitas em preparação de aulas”.

Do ano em que foi lançado até  2013, o livro teve uma razoável aceitação no mercado e me obrigou a produzir quatro edições no total, ao cabo das quais acabei me desinteressando pelo processo de revisão e atualização. Não que eu estivesse achando baixa a procura por ele. Pouquíssimos autores conseguem a façanha de superar a barreira da primeira edição e eu vinha recebendo muitos feedbacks positivos dos leitores. O problema é que àquela altura eu já me encontrava um tanto quanto desmotivado com o trabalho que meu primeiro livro (“Processo Judicial Tributário – Execução Fiscal e Ações Tributárias”) me impunha de edição para edição… O direito brasileiro não é para “amadores”, tampouco para os preguiçosos. Como minhas obras são muito focadas na prática da matéria, as constantes inovações legislativas e jurisprudenciais sempre me obrigaram a uma atividade pesada de revisão e atualização. Gostaria de ter tido um colaborador frequente para esse tipo de tarefa, mas por razões diversas isso nunca foi possível.

Continuar lendo O Renascimento do Meu Livro de Direito Tributário e Uma Nova Ideia